domingo, 12 de maio de 2013

Versículo Diário

Fonte: http://www.facebook.com/um.versiculo.por.dia 


"Ame o Senhor o seu Deus, de todo o seu coração, de toda a sua alma e de todas as suas forças" .  

Deuteronômio 6:5


terça-feira, 7 de maio de 2013

Versículo Diário

Fonte: http://www.facebook.com/um.versiculo.por.dia 


"Todo aquele, pois que ouve estas Minhas palavras e as pratica será comparado a um homem prudente que edificou a sua casa sobre a rocha" .  

Mateus 7:24


segunda-feira, 6 de maio de 2013

Em Jesus há reconciliação com Deus

    Pr Jorge Chávez
Introdução
O objetivo de nossa reflexão é verificar que em Jesus há reconciliação com Deus.
"17 Certo dia ele estava ensinando, e achavam-se ali assentados fariseus e doutores da lei, vindo de todas as aldeias da Galiléia, da Judéia e de Jerusalém. E o poder do Senhor estava com ele para curar. 18 Alguns homens, transportando num leito um paralítico, procuravam introduzi-lo e pô-lo diante de Jesus. 19 Não achando por onde introduzi-lo, por causa da multidão, subiram ao telhado e, por entre as telhas, o baixaram no leito, até o meio, diante de Jesus. 20 Vendo-lhes a fé, disse Jesus ao paralítico: Homem, os teus pecados te são perdoados.
21 Os escribas e fariseus começaram a pensar: Quem é este que diz blasfêmias?Quem pode perdoar pecados, senão só Deus? 22 Jesus, porém, conhecendo os seus pensamentos, respondeu-lhes: Por que pensais essas coisas em vossos corações? 23 Qual é mais fácil? Dizer: Os teus pecados te são perdoados, ou dizer: Levanta-te, e anda? 24 Ora para que saibais que o Filho do homem tem sobre a terra poder de perdoar pecados – disse ao paralítico: A ti te digo, levanta-te, toma o teu leito, vai para a tua casa.
25 Levantando-se ele imediatamente na presença deles, tomou o leito em que estava deitado e foi para casa, glorificando a Deus. 26 Todos ficaram maravilhados, e glorificaram a Deus. Cheios de temor, diziam: Hoje vimos prodígios."
(Lucas 5.17-26)
Onde o Senhor Jesus passava, Ele ensinava, pregava e curava os enfermos, grandes multidões e os seus discípulos o seguiam. Nesta oportunidade, Jesus estava visitando a cidade de Cafarnaum, onde morava (Mateus 4.13).

A condição do homem – (v. 18-19)
Toda pessoa tem sonhos, busca progredir nesta vida, estudar e trabalhar para ser um profissional bem sucedido, ter um bom emprego, formar uma família, etc. Muitas vezes as doenças destroem nossos sonhos, como o caso deste homem, possivelmente ele visitou alguns hospitais, médicos especializados no assunto, buscando a cura de sua doença, mas nada adiantou. Muitas pessoas com enfermidades difíceis, seu desespero o levam a buscar a sua cura em terreiros, curandeiros e feiticeiros.
Mas o paralítico e os homens que o transportava haviam ouvido falar sobre Jesus, e sua fé estava depositada no poder do Senhor, somente Jesus poderia curá-lo.
O texto bíblico narra que alguns homens transportavam um paralítico em seu leito, queriam entrar em uma casa, para apresentá-lo diante de Jesus. Não achando um meio de entrar naquela casa, por causa da multidão que havia lá, com grande esforço subiram ao telhado e por entre as telhas, desceram o leito e eles conseguiram apresentá-lo diante de Jesus.

A vontade de Deus – (v. 20)
Deus não tem prazer na morte do ímpio:
“Dize-lhes: Vivo eu, diz o Senhor Deus, que não tenho prazer na morte do ímpio, mas sim em que o ímpio se converta do seu caminho, e viva. Convertei-vos, convertei-vos dos vossos maus caminhos; pois, por que morrereis, ó casa de Israel?”
(Ezequiel 33.11)
Jesus vendo tão grande fé (Mateus 9.2) nos homens, disse: “Homem, os teus pecados te são perdoados.”(v 20) Isto é, se dá a conhecer como o SALVADOR, o Messias, que nos reconcilia com Deus!
Eu penso que Jesus, em seu coração, tenha elevado os seus olhos aos céus e glorificado a Deus por ter enviado para ele esse homem:
“Todo aquele que o Pai me dá virá a mim, e o que vem a mim de maneira nenhuma o lançarei fora” (João 6.37)
“Ninguém pode vir a mim, se o Pai que me enviou não o trouxer, e eu o ressuscitarei no último dia”(João 6.44)
A ação de Jesus tirava o homem que se encontrava sob a ira de Deus:
“Quem crê no Filho tem a vida eterna; o que, porém, desobedece ao Filho não verá a vida, mas sobre ele permanece a ira de Deus.”(João 3.36). 

A justiça dos homens – (v. 21)
Achavam-se ali assentados fariseus e doutores da lei, vindo de todas as aldeias da Galiléia, da Judéia e de Jerusalém. (v 17)
Mas os escribas e os fariseus começaram a pensar: Quem é este que diz blasfêmias? Quem pode perdoar pecados, senão só Deus? 
Os seus pensamentos eram frutos da sua própria justiça, não eram pensamentos vindos de Deus. Eles entendiam e ensinavam ao povo de Israel que um portador de deficiência física era atribuído ao pecado:
“Caminhando Jesus, viu um homem cego de nascença. E os seus discípulos perguntaram: Mestre, quem pecou, este os seus pais, para que nascesse cego? Respondeu Jesus: Nem ele pecou, nem seus pais; mas foi para que se manifestem nele as obras de Deus.”(João 9.1-3).
Para os escribas e fariseus, Jesus estava blasfemando, primeiro porque somente Deus poderia perdoar pecados, e segundo porque a presença da deficiência física confirmava a sua doutrina e que Deus estava de seu lado. Para os religiosos judeus da época não existe homem com deficiência física e ao mesmo tempo, com um coração purificado dos seus pecados. Mas Jesus demonstrou que eles estavam errados: Esse homem é paralítico, sim, mas agora tem o coração purificado de seus pecados! Que impasse!
O apóstolo Paulo esclarece o erro dos religiosos judeus:
“Visto que não conheceram a justiça de Deus, e procuraram estabelecer a sua própria justiça, não se sujeitaram à que vem de Deus”(Romanos 10.3)

A justiça de Deus – (v. 23)
“O fim da lei é Cristo para justiça de todo aquele que crê”(Romanos 10.4).
“Como diz a Escritura: Todo aquele que nele crê não será confundido”(Romanos 10.11)
Somente Deus conhece o coração do homem:
“Ele (Jesus) não necessitava de que alguém lhe testificasse a respeito do homem, pois ele sabia o que havia no homem”
(João 2.25; O que em parêntesis foi acrescido).
Como Mestre, Jesus responde com as seguintes perguntas:
Por que pensais essas coisas em vossos corações? Qual é mais fácil dizer: Os teus pecados te são perdoados, ou dizer: Levanta-te, e anda?
Deus é justo responde e confirma as palavras de seu Filho Jesus Cristo:
“Ora para que saibais que o Filho do homem tem sobre a terra poder de perdoar pecados – disse ao paralítico: A ti te digo, levanta-te, toma o teu leito, vai para a tua casa.”(verso 24)
Jesus veio para estabelecer o seu Reino:
“Arrependei-vos, porque é chegado o reino dos céus.”(Mateus 3.2).

Considerações finais
- O homem é limitado, frágil, o que busca para a sua felicidade é pouco: dinheiro, poder, felicidade. Muitos buscam a Deus, apenas para que solucione os seus problemas pessoais.
- Os personagens que foram curados em muitas passagens da Bíblia, alguns não esperavam a sua cura, muito menos a sua salvação, por exemplo: João 5.6-9; João 9; Atos 3.1-8; Lucas 17.12-19. Também na passagem do texto principal, o paralítico estava focado somente em sua cura física, cumprindo-se o que foi dito pelo profeta Isaías:
“E Isaías ousadamente diz: Fui achado pelos que não me buscavam, fui manifestado aos que não perguntavam por mim.”(Rom 10.20).
- O paralítico desceu do teto para receber a sua cura e salvação;
- Jesus desceu dos céus, em sua condição humana e como servo de Deus, veio para buscar e salvar o que se havia perdido!:
“Porque o Filho do homem veio buscar e salvar o que se havia perdido.”(Lucas 19.10)
- Verifica-se, no texto estudado, que em Jesus há reconciliação com Deus pela fé em seu nome.
-  Siga as orientações da Bíblia: “Mas buscai primeiro o seu reino e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas.” (Mateus 6.33)
Deus lhe abençoe

Versículo Diário

Fonte: http://www.facebook.com/um.versiculo.por.dia 


"Venha a tua mão socorrer-me pois escolhi os teus preceitos" .  

Salmos 119:173


sábado, 4 de maio de 2013

Mensagem do Pastor R.R. Soares


04/05/2013 - ANDANDO NA POSIÇÃO CERTA

  • Envie por Email
  • Imprimir
Após o SENHOR, vosso Deus, andareis, e a ele temereis, e os seus mandamentos guardareis, e a sua voz ouvireis, e a ele servireis, e a ele vos achegareis.Deuteronômio 13.4
É mandamento para todo aquele que faz parte do povo do Senhor: andar após Ele. No entanto, se o servo de Deus decide sozinho o que fazer e, depois, ao surgir algum problema, corre para buscar direção, ele pode não ter a resposta do Céu. Certo dia, um cidadão chegou a Jesus e pediu que Ele ordenasse a seu irmão que repartisse com ele a herança, ao que Jesus lhe perguntou quem O havia feito repartidor de heranças (Lc 12.13,14).
Sempre é bom lembrar que o Senhor não é seu colega nem empregado, para que só O procure quando tiver vontade ou quiser que Ele o ajude a resolver uma dificuldade. Quem não respeita o Altíssimo como Deus, provavelmente, não terá nenhuma de suas petições atendidas. É importante lembrar que Ele é o único e soberano Deus, Senhor sobre todos, o qual não deixa que ninguém zombe dEle, pois tudo o que o homem semear isso colherá (Gl 6.7).
Os mandamentos divinos têm de ser guardados. Apesar de Jesus ser manso e humilde de coração, Ele é a Pessoa da Trindade santa, que sustém todas as coisas pela palavra do Seu poder (Hb 1.3). Portanto, todo respeito é devido a Ele, e, quando você tiver de tomar qualquer decisão, ore para sentir a direção do Salvador. Se, em algum momento, perceber que não deve fazer algo, no mesmo instante deixe aquilo de lado e não insista para que o Pai o permita fazer tal coisa.
Ao dar ouvidos ao que o Criador lhe fala, seu espírito é fortalecido para realizar aquela obra. Deixar de cumprir o dever que lhe foi passado não é uma boa decisão. Quando Deus revela algo, Ele já fez a parte dEle; entretanto, se fizermos a nossa, a obra se cumprirá. A verdade é que o nosso Deus sempre cumpre o que promete. Por isso, fique atento ao que Ele lhe faz entender em Sua Palavra, pois, assim, você será bem-sucedido.
Serve ao Senhor aquele que crê no que Ele diz. Quem aprende que já foi curado e, a seguir, exige que a doença deixe seu corpo, se permanecer firme no que ouviu de Deus, receberá a cura. O mesmo se pode dizer a respeito da prosperidade ou de outro assunto. O Altíssimo jamais falaria algo que não pudesse executar ou não fosse a Sua vontade. Saiba: o Senhor é fiel em cumprir Suas promessas (Sl 33.4,5).
Além de servir a Deus, recebendo as bênçãos prometidas ou declaradas em Sua Palavra, você deve esforçar-se para achegar-se ao Ele. Sem dúvida, o onipotente Deus tem muito mais para fazer em quem O busca de todo o coração. Por estar perto dEle, não lhe faltará revelação, proteção e ajuda, pois o Senhor socorre os que Lhe dão condições de fazer isso. Por outro lado, os que forem displicentes, ou O ignoram, não provarão o quanto Ele é bom.

Em Cristo, com amor,
R. R. Soares

Versículo Diário

Fonte: http://www.facebook.com/um.versiculo.por.dia 


"Quando a Deus fizeres algum voto, não tardes em cumpri-lo" .  

Eclesiastes 5:4